O Email Marketing tem sido o carro-chefe de muitas empresas que sabem utilizá-lo. Hoje, o canal vai muito além do envio de mensagens ou notificações: é uma boa forma de espalhar conteúdo, atrair novos visitantes e aprofundar relacionamentos com a base de contatos. Por ser um canal ágil e de baixo custo, é útil para vários tipos de negócios e tamanhos de empresas que desejam aplicar Marketing de Conteúdo e outras estratégias de marketing.
E não adianta, o boca a boca ainda é muito forte e importante para empresas de todos os portes. Cada pessoa que indica o seu produto e/ou serviço para outras gera muitos leads que, provavelmente, irão procurar o seu negócio quando sentirem necessidade. E aqui o Marketing de Conteúdo é determinante, tanto para criar defensores da marca, quanto para estar preparado para nutrir e desenvolver a confiança das pessoas para as quais eles indicarem o seu negócio.

O conceito se baseia em gerar fidelização dos clientes e entregar informações valiosas de maneira consistente. O conteúdo é produzido pelas marcas visando aproximar-se do cliente e sanar as dúvidas/objeções e dicas ao longo do funil de vendas, mas sem intenção comercial direta, e sim educacional.[4] Pode ser publicado em diferentes formatos tanto off-line (revistas impressas, eventos presenciais etc.) como on-line (vídeos, white papers, ebooks, posts, guias, artigos, webinars etc.). Não é focado exclusivamente em vendas, em compartilhamento de conteúdo relevante e útil.

Uma profissão que precisa estudar para entender os programas de produção gráfica, meios de comunicação, marketing semiótica, tipografia. Um designer gráfico pode trabalhar em várias áreas montando logotipos, marcas, livros, revistas, folhetos, catálogos, jornais, embalagens, websites, softwares, jogos, eventos, anúncios, enfim, uma boa profissão que vem crescendo a cada dia.
Aprender o básico em informática é imprescindível nos dias de hoje. Procure uma escola de computação registrada e séria que ofereça cursos rápidos sobre como navegar na internet. Algumas oferecem cursos de online commerce e ensinam como fazer a divulgação do produto ou marca, seja nas redes sociais ou usando outras ferramentas, bem como criar uma extensa network, que facilitará o desenvolvimento de seu negócio. Talvez você desenvolva uma tarefa que não precise sequer usar o computador, mas é bom entender de recibos, contratos, orçamentos, contabilidade para organizar e tocar seu negócio de forma que saiba se virar quando precisar.
A primeira etapa do funil das mídias sociais representa o número de vezes que a sua publicação foi visualizada. Sempre procure otimizar suas publicações para que elas sejam vistas cada vez mais vezes pela sua audiência. Algumas variáveis controláveis podem aumentar as impressões da sua página e, consequentemente, aumentar o topo do seu funil, como horário e formato da publicação;
Um dos temas muitas vezes debatidos entre os fãs da publicidade e os fãs do inbound marketing é a eficácia de cada uma dessas estratégias. Como provavelmente você sabe, anúncios permitem que você coloque seus produtos ou serviços na frente de milhares de pessoas por um custo baixo, sem necessidade de um trabalho extra. No entanto, o inbound marketing defende que a criação de conteúdos relevantes para o seu público não só ajuda você a tornar-se uma autoridade em seu nicho de mercado, como isso ajuda você a converter drasticamente mais em suas ações publicitárias.
Ao longo dos últimos 10 anos, já escrevi mais de 5.000 artigos em sites e blogs. Uma das coisas que aprendi com esta experiência é que a consistência é fundamental para atingir bons resultados no médio/longo prazo. Isso significa publicar novos conteúdos em seu blog com alguma frequência. Naturalmente, não existe uma regra definida para isso, então você poderá escrever um post por semana, dois posts por semana ou um post por dia. Você decide como prefere fazer, tendo em consideração que você precisa conseguir realizar esse trabalho sem complicar sua agenda.
Os "gurus" do marketing da filial, assim como todas as histórias de sucesso do negócio, foram os primeiros a descobrir e aproveitar plenamente o dinheiro que faz oportunidades incríveis disponíveis. "Mercado do marketing da filial" de hoje está saturado e competitivo. Você vai trabalhar hoje mais difícil e mais tempo para fazer uma fração do que muitos fizeram "overnight" quando o negócio era jovem.
This website uses cookies to improve your experience while you navigate through the website. Out of these cookies, the cookies that are categorized as necessary are stored on your browser as they are essential for the working of basic functionalities of the website. We also use third-party cookies that help us analyze and understand how you use this website. These cookies will be stored in your browser only with your consent. You also have the option to opt-out of these cookies. But opting out of some of these cookies may have an effect on your browsing experience.
Os comerciantes da filial de sucesso são computador, inteligente e esclarecido Internet, são perseverantes e comprometidos com o negócio bem além do "minutos por dia" arremessos promocionais. Utilizando as ferramentas disponíveis, eles são capazes de controlar e manter literalmente dezenas de milhares de peças de informação. Eles estão organizados, eles são criativos e estão otimistas. A estrada pode ser longa e frustrante. A "diferença de magia" entre aqueles que têm sucesso e aqueles que não podem ser encontrados em suas personalidades, sua inteligência e sua vontade de trabalhar muito duro.
A verdade é que o Marketing de Conteúdo chegou para ficar. Se a sua empresa ainda não parou para refletir e desenhar as suas estratégias, você está perdendo tempo. Hoje, as pessoas querem mais do que consumir produtos, elas querem engajar com marcas que estão ali para ajudá-las quando necessário, querem falar e ser ouvidas, querem empresas responsáveis, verdadeiras e que transmitem confiança nas suas relações.
Depois disso, é importante que os seus conteúdos estejam devidamente otimizados para o Google para que o robot de rastreamento entenda o seu conteúdo, quais as partes mais importantes e, principalmente, qual a palavra-chave que define a sua peça de conteúdo. Isto não significa que você deverá escrever a mesma palavra-chave inúmeras vezes no seu post! Isso chama-se manipulação e pode resultar numa penalização por parte do Google, ok?
Mesmo que todo profissional de marketing entenda que quando se escreve com qualidade sobre o seu ramo de atuação é possível transmitir informação relevante aos visitantes, ganhar novas oportunidades de negócio, passar a ser referenciado como uma autoridade no assunto e, claro, criar e estreitar o relacionamento com a sua base de contatos, isso nem sempre fica claro para a liderança da empresa. Mesmo que não faltem motivos para encarar o Marketing de Conteúdo como um dos pilares do sucesso no Marketing Digital, ainda assim você precisa justificar seu valor.
E a produção desse material não precisa ser algo necessariamente trabalhoso: você pode começar oferecendo conteúdos que já possui e utiliza na sua empresa, como planilhas, templates, pesquisas/análises de mercado, artigos técnicos, checklists, glossários etc. Posteriormente, você pode produzir materiais pensados especificamente para responder dúvidas e curiosidades ou sanar dores dos seus potenciais clientes.

Um dos principais resultados de uma boa estratégia de marketing de conteúdo é a geração de tráfego orgânico. Se você já estudou SEO (Search Engine Optimization), provavelmente sabe da importância de produzir bons conteúdos. Se você produzir conteúdos realmente muito bons, não só eles irão gerar links orgânicos de qualidade para o seu site, como também terão um impacto positivo na captação de tráfego por meio das redes sociais. Naturalmente, bons conteúdos geram links e compartilhamentos nas redes sociais e isso tenderá a ajudar o seu site a ganhar uma maior visibilidade nas páginas de resultados orgânicos de motores de pesquisa.
Decirte que ha sido muy interesante tu post. Me gustaría comentarte un poco lo que hago porque me veo un poco identificado con tus comentarios. Tenía ganas de hacer algo por mi cuenta y me lancé en organizar viajes de forma privada a personas que no tienen tiempo para poder organizarse sus vacaciones. Este intento no fue válido…mucho tiempo perdido para poco volumen de negocio..y lo he apartado a un lado para retomarlo más adelante….
Llevo tiempo buscando informscion acerca de estos temas y nunca daba con algo interesante, puesto que estoy en una etapa de mi vida en la cual el cuerpo me pide emprender y que mejor forma de empezar que con un negocio online (en mi opinion), pero no tenia idea de que hubieran tantas modalides de e-commerce para elegir, en fin, me has sido de gran ayuda y tenia que hacertelo saber.
Você pode iniciar com um blog por exemplo. Postando conteúdos de 500 a 1.000 palavras cada, focando em temas de interesse de seu público-alvo. Além disso, vale a pena criar uma fanpage no facebook e uma página da empresa no LinkedIn. Cada texto que você postar no blog, você também pode postar uma chamada nessas redes sociais. Essa chamada costuma ter em média 30 palavras cada, e ela precisa ter um tom de persuasão, fazendo com que o leitor se interesse em acessar o blog para saber mais informações a respeito daquele tema.
Decida como você vai promover os produtos afiliados. Como mencionado, a maneira mais fácil é através de um site ou blog . Outros profissionais de marketing de afiliação bem-sucedidos configuram uma página do Google Squeeze projetada para criar uma lista de e-mails e, em seguida, promovem produtos afiliados aos assinantes. Naturalmente, sua lista deve fornecer outras informações não relacionadas a vendas, pois as pessoas não querem ser vendidas o tempo todo. Alguns afiliados não usam um site, e usam mídias sociais como Facebook, Instagram ou Twitter. Muitos comerciantes da filial usam uma combinação de várias táticas de marketing.
Dessa forma, você pode criar um Podcast – ou seja, uma peça de áudio – para compartilhar, pode dedicar tempo à criação de Webinars (conferências online sobre seus produtos, serviços e temáticas relevantes para o seu campo de atuação). Você pode desenvolver aplicativos para dispositivos móveis, publicar eBooks e até mesmo desenvolver jogos temáticos.
Os autores propõem, uma nova abordagem para o marketing de conteúdo, na qual os departamentos de marketing deixam de ser um mero suporte para vendas e se transformem em geradores de receita. Embora poucas empresas até agora tenham conseguido atuar dessa maneira — como Lego, Red Bull e Disney —, o livro prevê que o modelo de negócios de empresas de mídia, produtos e serviços seja hoje muito parecido. Isso significa que empresas de mídia possam vender produtos ou serviços, bem como empresas de produtos ou serviços possam monetizar seus públicos. Joe Pulizzi, um dos autores, explicou o propósito apresentado no livro da seguinte maneira:

E não adianta, o boca a boca ainda é muito forte e importante para empresas de todos os portes. Cada pessoa que indica o seu produto e/ou serviço para outras gera muitos leads que, provavelmente, irão procurar o seu negócio quando sentirem necessidade. E aqui o Marketing de Conteúdo é determinante, tanto para criar defensores da marca, quanto para estar preparado para nutrir e desenvolver a confiança das pessoas para as quais eles indicarem o seu negócio.
Outro aspecto importante é a diversificação dos temas abordados. Se você sempre está falando de Instagram, chega uma hora que você não tem mais o que escrever. Quando você abre esse nicho de mercado para algo mais global, como por exemplo marketing digital, você poderá falar não só de Instagram, como Facebook, E-mail Marketing, Automação de Marketing, etc. Nem sempre um nicho muito específico é positivo, especialmente em blogs empresariais.
Foi o que a rede de hotéis Four Seasons descobriu. Quando um cliente entra em um hotel, ele deseja aproveitar diferentes coisas na própria cidade onde está. Para que ele não precisasse de guias extremamente caros, a empresa resolveu abrir uma conta no Pinterest. Criando um perfil para cada um de seus resorts, a rede de hotéis começou a fazer um guia repleto de dicas de gastronomia, lazer, turismo e muito mais.
Não devemos deixar de ressaltar que a produção de conteúdo é uma estratégia com a qual se alcança resultados em longo prazo, portanto é importante começar o quanto antes.  Conte com a RedaWeb para uma consultoria de excelência em marketing de conteúdo. Nossa equipe possui profissionais especializados e conceituados no mercado, que trabalham com o foco em fazer a sua empresa alcançar os resultados que deseja.
Pode criar diversos grupos, cada um com um assunto diferente e com nicho super específico. Você vai oferecer um serviço de assinatura do grupo, por exemplo, R$ 5,00 para participar do grupo e receber as novidades sobre o assunto daquele grupo (notícias, cursos, novas tecnologias, sites de interesse etc.). Vai funcionar como um jornal online mantendo empreendedores, professores, estudantes etc.mega informados sobre suas áreas.
Acontece que essa nem sempre é a melhor opção: é possível dar um passo adiante e tornar esse canal de vídeos, ou media center, em um canal da sua empresa, como o próprio site. Isso é algo bem mais interessante para se posicionar como referência e evitar alguns problemas clássicos trazidos pelas plataformas gratuitas, tais como perda de atenção e publicidade de terceiros.
Hola David primero que todo darte las gracias por la información que nos aportas sobre los negocios online. Segundo decirte que estoy interesado en el dropshipping pero no tengo muy claro como crear una pagina web para ello, ni que vender ni como hacerlo y tampoco como encontrar a los proveedores. Me gustaría que me aconsejaras sobre esto al respecto. Gracias de antemano.
O infográfico como estratégia de Marketing de Conteúdo pode ser tão eficiente como material rico porque facilitam a leitura através de informações visuais, principalmente quando há muitos dados numéricos ou é necessário explicar algum processo com um passo a passo. Além disso, podem atrair mais Leads porque costumam exigir menos tempo do que ler um eBook ou assistir a um Webinar, por exemplo.
Logicamente, o marketing de conteúdo inclui também diversas coisas que você não deve fazer. Já falei anteriormente sobre várias das coisas que deve evitar quando trabalha os seus conteúdos e principalmente quando monta uma estratégia de divulgação dos mesmos, no entanto, é importante relembrar alguns princípios básicos do marketing de conteúdo e erros que podem ser facilmente evitados:
Marketing de Conteúdo, se comparado com outras estratégias de marketing, é um conceito relativamente novo e vem se popularizando cada vez mais no Brasil. Nessa guia completo da RedaWeb você vai conferir o que é marketing de conteúdo, por que investir nele, números, ferramentas e como implementar na prática uma estratégia de marketing de conteúdo eficiente, para gerar mais leads e aumentar o seu faturamento.
O marketing de conteúdo é fundamental não só pelo tráfego orgânico que ela gera, mas principalmente pela percepção que ele cria junto do seu público. Se você analisar alguns dos exemplos que falei anteriormente, você vai entender que esses profissionais que são considerados especialistas em suas áreas de atuação, eles vivem acima de tudo do conteúdo. Essa percepção de que eles são especialistas vem, precisamente, do conteúdo gerado e compartilhado. Logicamente, o mesmo aplica-se a empresas. Empresas que geram conteúdos relevantes, acabam gerando uma percepção muito positiva sobre as marcas.
Você já ouviu falar de conteúdo gerado pelo usuário (CGU)? É uma forma de criação de textos publicitários feitos pelo cliente ou por uma empresa especializada, como uma agência de marketing, que utiliza sites, blogs, mídias sociais, entre outros canais para divulgação de um tipo de comunicação mais espontânea a fim de gerar resultados.Todo conteúdo gerado naturalmente é algo positivo para ...
Esta é uma situação em que seus leitores inconscientemente ignoram banners em seu blog. Esses banners geralmente estão em barras laterais onde eles se tornam menos segmentados. Certifique-se de girar os anúncios e usar técnicas para que seus anúncios não sejam bloqueados por bloqueadores de anúncios. Você pode usar um plugin como anúncios WP Advanced.
Entender o funil de vendas é muito importante para ser mais assertivo na hora de desenhar as suas estratégias de marketing de conteúdo e colocá-las em prática. É fundamental compreender em qual etapa do funil cada pessoa se encontra. Só assim a sua empresa alcançará os melhores resultados, pensando no material ideal para cada momento da jornada de compra. Afinal, acima de tudo, o seu conteúdo precisa ser eficiente, não é mesmo?
Por ejemplo, imaginemos que creas una tienda online de zapatillas y te creas una cuenta de afiliado en amazon con el identificador «zapatos». Pues en tu tienda online pones los artículos enlazados hacia Amazon pero en la url debe aparecer el id «zapatos». Por cada producto que amazon venda gracias a tus enlaces te llevarás una comisión (que dependerá del precio y del tipo de producto).

Maria tem 30 anos e acabou de abrir a sua primeira empresa: um salão de beleza. Ela precisa controlar o fluxo de caixa com segurança para evitar problemas no faturamento, lidar com o estoque para evitar excesso e falta de produtos, além de gerenciar a sua equipe de trabalho, contando sempre com pessoas motivadas e dispostas a atender o cliente da melhor forma possível. Maria é casada, tem dois filhos pequenos, costuma consumir informação na internet de forma rápida e dinâmica, pois não sobra muito tempo na sua rotina para isso. Gosta muito de acessar as redes sociais. Ela está em busca de uma solução que ajude a controlar a parte operacional e financeira da sua empresa, sobrando tempo para outras atividades.
Por fim, no fundo do funil, a pessoa está em um estágio de avaliação para tomar uma decisão de compra. É nesse momento que você deve oferecer mais informações para ajudá-la a decidir pelo seu produto e/ou serviço. Cases de clientes e demonstrações do produto são fundamentais nessa fase. Esse é o momento de falar da sua empresa, de mostrar as suas vantagens, de compará-lo com a concorrência e destacar os seus pontos fortes.
Na próxima etapa, o meio do funil, esse possível cliente já descobriu um problema e está atrás de possíveis soluções, ou seja, um passo a mais no processo de decisão de compra. Nesse momento, o conteúdo deve se manter informativo, mas trazendo soluções sem falar demais da sua empresa. Uma boa alternativa é capturar os dados dessa pessoa, como por meio de um formulário, oferecendo algo em troca, como um e-book ou um webinar. Ao levantar esses dados, você pode iniciar um trabalho de qualificação dessa pessoa e estreitar o relacionamento.
Nos dias de hoje, é de grande importância ter conteúdos relevantes, de qualidade, envolventes e que tenham a devida importância para um bom planejamento dentro de uma estratégia de marketing digital. Porém, o que a maioria das pessoas não se recorda, é que nem todos nasceram com o “dom” de escrever bons textos. O que é extremamente natural, e pode ser desenvolvido através da prática.
Na próxima etapa, o meio do funil, esse possível cliente já descobriu um problema e está atrás de possíveis soluções, ou seja, um passo a mais no processo de decisão de compra. Nesse momento, o conteúdo deve se manter informativo, mas trazendo soluções sem falar demais da sua empresa. Uma boa alternativa é capturar os dados dessa pessoa, como por meio de um formulário, oferecendo algo em troca, como um e-book ou um webinar. Ao levantar esses dados, você pode iniciar um trabalho de qualificação dessa pessoa e estreitar o relacionamento.
×