Ao longo dos últimos 10 anos, já escrevi mais de 5.000 artigos em sites e blogs. Uma das coisas que aprendi com esta experiência é que a consistência é fundamental para atingir bons resultados no médio/longo prazo. Isso significa publicar novos conteúdos em seu blog com alguma frequência. Naturalmente, não existe uma regra definida para isso, então você poderá escrever um post por semana, dois posts por semana ou um post por dia. Você decide como prefere fazer, tendo em consideração que você precisa conseguir realizar esse trabalho sem complicar sua agenda.

Cerque-se de métricas tangíveis: mostre como o marketing de conteúdo é um canal eficiente para gerar mais oportunidades de negócio, reduzir os custos de aquisição dos clientes e aumentar as vendas. Ao escrever sobre o seu segmento, você dissemina informações úteis que serão utilizadas para capacitar seus potenciais clientes e prepará-los para o momento da compra.


Ao pôr hiperlinks de marketing da filial em sua página do site, considere a utilização dos hotspots de publicidade. Estes acrescentam o canto superior esquerdo do seu site, o fim das tuas mensagens e até mesmo hiperlinks contextuais nas tuas mensagens. Quanto menos difícil for pras pessoas a encontrar e clicar em seus hiperlinks de afiliados, mais dinheiro você vai ganhar.

Quando pensamos em fazer um canal de vídeos como estratégia de Marketing de Conteúdo, é bem comum já vir à nossa cabeça um canal em plataformas gratuitas de massa, como Youtube, Vimeo e Daily Motion. E aproveitar a audiência que esses canais possuem de fato é algo atrativo, principalmente quando estamos com o objetivo de atrair visitantes para o site.
Você está pronto para começar a trabalhar? Bem, vamos chegar a ele, então! Como uma filial, o seu principal objetivo é vender os produtos e serviços oferecidos pelos comerciantes seu parceiro. A menos que você pode fazer isso, você nunca pode esperar para fazer uma quantidade significativa de dinheiro com marketing afiliado programas. Ok, é isso! Brincando. Assim como você aumentar as vendas? Todas as coisas são iguais, você vai precisar aumentar o seu tráfego de site antes que você pode experimentar mais vendas. Pela lei das probabilidades, mais as pessoas estão cientes dos produtos que você está oferecendo, os produtos mais você vai vender. É justo que pessoas simples, é um jogo de números.
Logicamente, o marketing de conteúdo inclui também diversas coisas que você não deve fazer. Já falei anteriormente sobre várias das coisas que deve evitar quando trabalha os seus conteúdos e principalmente quando monta uma estratégia de divulgação dos mesmos, no entanto, é importante relembrar alguns princípios básicos do marketing de conteúdo e erros que podem ser facilmente evitados:

Use dados estratégicos:  como o marketing de conteúdo direciona o tráfego orgânico para o site, a empresa pode gastar menos em compra de mídia. E há pesquisas, como a feita pela Kapost e Eloqua, que indicam que o Marketing de Conteúdo chega a ultrapassar o ROI de links patrocinados em até 3 vezes.  Essa é, inclusive, uma das grandes vantagens do Marketing de Conteúdo: a capacidade de geração de Leads. O resultado na maioria das vezes será proporcional, quanto mais autoridade você tem sobre determinado assunto maior será a quantidade de Leads gerados.


Outro aspecto importante é a diversificação dos temas abordados. Se você sempre está falando de Instagram, chega uma hora que você não tem mais o que escrever. Quando você abre esse nicho de mercado para algo mais global, como por exemplo marketing digital, você poderá falar não só de Instagram, como Facebook, E-mail Marketing, Automação de Marketing, etc. Nem sempre um nicho muito específico é positivo, especialmente em blogs empresariais.
Responsabilidade e atribuição de tarefas – Costuma-se dizer que “um cão com dois donos passa fome”. Isso acontece porque cada um dos donos acha que o outro fez o trabalho de alimentar o cão. Isto significa que se não existir alguém responsável pela tarefa de produção de conteúdo, seja ela gravar um vídeo ou escrever um texto para o blog, essa tarefa não vai ser cumprida. Simples assim.
1. Otimizar seu site para os motores de busca. Os sites de maior sucesso na internet são os mais visíveis. Agora, existem várias maneiras de conseguir maior visibilidade na internet, mas o método mais importante é a de search engine optimization. Os detalhes são demasiado técnicos para discutir aqui, mas o propósito de Search Engine Optimization (SEO) é ajudar o seu site alcançar um maior rankings nos motores de busca. Se você já usou um motor de busca, você vai notar que qualquer pesquisa palavra-chave particular retornará milhares, senão milhões de resultados. A maioria das pessoas não vai incomodar a navegar através de todos esses resultados, eles vão preferir olhar para os sites já exibidas. Estatisticamente falando, os sites listados na primeira página de resultados vai reunir a maior quantidade de tráfego, colocando esses sites em melhor posição para ganhar dinheiro.
Mas o que seria isso? Persona é uma representação fictícia daquele que seria o cliente perfeito. Ela é desenhada partindo de dados reais que envolvem características demográficas e pessoais do seu cliente, como seu comportamento, seus desafios, preocupações, objetivos e desejos, onde ele vive, que idade tem, como é a sua rotina, a sua família, o seu emprego, seus gostos, hábitos de lazer, etc. Tudo vai depender do tipo de produto e/ou serviço que a sua empresa oferece e em que momento ele é relevante para essas pessoas.
La técnologia me encanta y pensé en hacer algo relacionado…..Actualmente llevo las redes sociales (Facebook y Google plus) de 4 PYMES (sectores empresariales distintos) y 3 mantenimientos webs de estas empresas (posicionamiento SEO). Las páginas las hice yo mismo usando portales con plantillas…Estas webs no necesitan tienda online, sólo tiene importancia el carácter informativo. Las publicaciones las creo yo usando photoshop y un editor de videos….
Foi o que a rede de hotéis Four Seasons descobriu. Quando um cliente entra em um hotel, ele deseja aproveitar diferentes coisas na própria cidade onde está. Para que ele não precisasse de guias extremamente caros, a empresa resolveu abrir uma conta no Pinterest. Criando um perfil para cada um de seus resorts, a rede de hotéis começou a fazer um guia repleto de dicas de gastronomia, lazer, turismo e muito mais.
6. Trazer conteúdo relevante para nutrir os leads. Conteúdo de qualidade é muito importante para nutrir o seu público-alvo e, para isso, uma estratégia forte e estruturada faz a diferença. Para desenhar essa nutrição de leads, aproveite todos os canais que estão à sua disposição: redes sociais, landing pages, e-mail marketing, SEO, entre muitos outros. E qual a melhor forma de alimentar esses canais? Com materiais desenvolvidos pensando no seu público-alvo, na persona, nas suas dificuldades, dúvidas e dores.
Nao sao para mim suas dicas de trabalho, pois sao de grandes movimentação. Ja tenho alguns problemas com ossos, artrite artrose e etc. Seria para vendas de Market ao laine ou propagandas. No momento estou de perna para o ar com cirurgia de veias safena. Quero ser independente mas vejo que nao é o momento. Meu trabalho seria pela meu celular. Gostei das dicas, obrigada. Boa noite.

Esses ponteiros não será sempre que você obtenha o serviço speedy que você merece, mas certamente pode ajudar. Marketing da filial é um dos mais fáceis de operar os negócios, porque você não tem que mexer com toda a papelada e meia. Este artigo é apenas uma pequena amostra do que é preciso para ser uma filial do operador negócio em casa. Existem muitos programas disponíveis para ajudá-lo como espero que este artigo esclarece as suas dúvidas. Se você tem mais, você sabe para onde ir.


Através do avanço tecnológico, com o envio de mensagens e e-mails, não se fez mais necessária a presença física. E, para fazer com que o contato entre ambos não esfrie, é necessário um bom planejamento para que as expectativas sejam superadas. Como? Por meio de conteúdo criativo, informativo e inteligente, para redes sociais, blogs e sites. Até porque esses são os canais de comunicação que possuem maior relevância na atualidade.
Além disso, geralmente essas listas têm muitos emails que não existem ou que foram desativados. A qualidade também é ruim em termos de público-alvo, pois para “engordar” a lista e tentar fazê-la valer mais, são incluídos todos os tipos de email. Assim, entram perfis que não possuem qualquer relação com o serviço ou produto oferecido pela sua empresa.
Para conhecer seu ROI o primeiro passo é saber estimar os custos e as receitas derivadas da produção do Marketing de Conteúdo na sua empresa. Esses valores podem englobar diferentes estimativas, como por exemplo: salário da equipe, horas de um funcionário alocado para criar contéudo, plataformas utilizadas para compartilhamento, mão de obra terceirizada para produção do conteúdo, Leads gerados a partir de conteúdos que posteriormente fecharam uma venda, e por aí vai. Conhecendo exatamente esse números fica mais fácil de quantificar o seu retorno. Poderíamos separar esses resultados em dois tipos de métricas.
Analisar o mercado antes de produzir conteúdo – Logicamente você terá uma ideia sobre o que escrever, mas não seria interessante validar essa ideia no mercado e entender se os seus potenciais clientes realmente se interessam por isso? Nem sempre aquilo que você pensa ser um bom conteúdo, realmente o é. Faça uma pesquisa de mercado através do Google ou através do Google Keyword Planner para entender o que o mercado realmente pesquisa.
O Inbound Marketing é considerado qualquer tática de marketing que parte da premissa de ganhar o interesse das pessoas ao invés de comprá-lo por meio de alguma campanha. O foco do inbound é atrair e conquistar um público-alvo específico, gerando leads qualificados, resultando em conversão e vendas. Já o marketing de conteúdo é uma das táticas para levar leads para o inbound, com a produção de conteúdo envolvente e extremamente relevante.
Embora à princípio possa parecer uma ciência exata ou bastante simples de colocar em prática, na verdade, o marketing de conteúdo exige bastante determinação, foco e atenção. É importante planejar corretamente e antecipadamente todos os conteúdos que você precisa fazer, organizar a sua equipe, definir objetivos para cada um dos seus conteúdos, etc. Existem vários tipos de conteúdos que você poderá produzir, tanto para o seu blog pessoal, quanto para o blog da sua empresa. Você decide quais conteúdos e qual a estratégia deseja implementar, mas é importante que tenha noção do que cada um desses itens exige em termos de esforço e dedicação. Vamos ver:

O autor Hugh Hewitt estava coberto de razão em sua obra “Blog: Entenda a Revolução: o século XXI é o século da Internet”. Em 2007, quando a obra foi lançada, a produção de conteúdo ainda não havia alavancado com tanta força como hoje. Limitações técnicas, como baixa velocidade oferecida pelos provedores, conexões à internet menos acessíveis às massas ...
Consegue imaginar uma empresa que, com somente 4.500 dólares ousou investir em aparelhos de barbear e concorrer com ninguém menos do que a Gillette? Pois essa foi a ideia dos fundadores desta empresa. Porém, eles optaram por fazer um atendimento personalizado aos seus clientes, um diferencial, que nenhuma das grandes empresas havia se atentado até então.

Aléx Você É Fodaaaa Eu Morava em Santos-SP tinha uma loja de congelados e Vim de Vez para Portugal, Estou agora em Lisboa Consegui um apto. muito legal e vou ver um Trabalho amanhã num Restaurante de Ajudante de Cozinha e Faxina pois estou sem Grana e tenho que pagar o almoço de amanhã mas Tenha Certeza que à noite e Todo Tempo que Tiver Vou Desenvover meu Negócio Digital Comprando seus Cursos e seguindo Seus Conselhos Te ADMIRO MUITO E Desejo que DEUS ILUMINE E PROTEJA VOCÊ E TODA SUA FAMÍLIA UM Beijo no Seu Coração
A diferença está no fato de que marketing de conteúdo tem o objetivo de oferecer um conteúdo relevante ao leitor, podendo gerar resultados financeiros ou não. O inbound marketing, por sua vez, não foca exclusivamente no conteúdo, mas em outros pontos como: geração de leads comerciais, e nutrição deles para no futuro, fechar uma venda. Portanto, o inbound marketing é a cabeça e o marketing de conteúdo é um de seus braços. O inbound também inclui em suas táticas elementos de SEO, mídias sociais, marketing de influência e outras formas de comunicação de marca.
×