Um estudo realizado pela McKinsey&Company apontou que campanhas que utilizam o e-mail marketing conseguem ser 40 vezes mais efetivas do que ações realizadas no Facebook para conquistar novos clientes.  Mesmo parecendo ser uma ferramenta ultrapassada, não existe nenhuma outra que consegue bater de frente com o e-mail marketing, quando se trata se transformar leads em clientes – dentro das estratégias de inbound marketing.


Se você não entende rigorosamente nada de SEO, é importante começar por aí antes de criar o seu blog. Entender como funciona a otimização para motores de busca poderá fazer uma diferença incrível no impacto e nos resultados dos seus conteúdos. Comece por estudar um pouco sobre SEO e entender a estruturação HTML de um blog, para evitar cometer erros desnecessários e/ou escrever conteúdos que ninguém lê, porque simplesmente não são encontrados facilmente no Google.
Com as informações em mãos, o próximo passo é pensar no processo como um todo – não somente para criar campanhas, mas para o próprio lançamento dos materiais. É comum que empresas definam a oferta antes do público. Não há nada de errado nisso, porém, quando há informações sobre a base de Leads, fica mais fácil fazer uma oferta especificamente para um público bem segmentado.
Otimo trabalho Alex e sua equipe, vocês são feras! Sou aluna e praticante de todas as técnicas que você ensina, graças ao seu curso consegui criar a minha estrutura e me abriu um mundo de oportunidades… ainda tenho muita estrada pela frente, mas sou muito confiante… o nosso Brasil precisa de gente como você! Pessoa simples, humilde e de grande potencial, parabéns querido, continue assim! Que Deus abençoe todos os seus passos . Sempre!
Ao longo dos últimos 10 anos, já escrevi mais de 5.000 artigos em sites e blogs. Uma das coisas que aprendi com esta experiência é que a consistência é fundamental para atingir bons resultados no médio/longo prazo. Isso significa publicar novos conteúdos em seu blog com alguma frequência. Naturalmente, não existe uma regra definida para isso, então você poderá escrever um post por semana, dois posts por semana ou um post por dia. Você decide como prefere fazer, tendo em consideração que você precisa conseguir realizar esse trabalho sem complicar sua agenda.
A partir desse descritivo da sua persona, você consegue decidir o tipo de conteúdo que precisa produzir para atingir seus objetivos, os temas que serão abordados e onde eles devem ser disponibilizados para alcançar o seu público-alvo. Que tal começar agora mesmo a desenhar a sua persona? O conceito de persona vai muito além do Marketing de Conteúdo, ele pode ajudar a sua empresa a entender melhor o seu consumidor e isso contribui para o desenvolvimento de produtos e serviços que realmente impactem positivamente no seu dia a dia.
Actualmente no estamos ofreciendo servicios de asesoría personalizada pero te comento que, de cara a Sept/Oct, lanzaremos un training gratuito con acceso a un curso premium que podría ser de tu interés. Te recomiendo que te suscribas a nuestra newsletter (si aún no lo has hecho 😉 ) que por ahí informaremos de todo, llegado el momento. Un saludo!!!
Com as informações em mãos, o próximo passo é pensar no processo como um todo – não somente para criar campanhas, mas para o próprio lançamento dos materiais. É comum que empresas definam a oferta antes do público. Não há nada de errado nisso, porém, quando há informações sobre a base de Leads, fica mais fácil fazer uma oferta especificamente para um público bem segmentado.
Quer você esteja a utilizar o marketing de conteúdo como uma estratégia de branding pessoal ou empresarial, através da geração de conteúdos relevantes, você aumentará exponencialmente a notoriedade da sua marca, seja ela uma marca pessoal ou empresarial. A geração de conteúdos relevantes, além de gerar comentários e interesse junto do seu público-alvo, faz com que você crie um maior nível de interação com seus seguidores. Isso fará com que a sua notoriedade nesse mercado aumente progressivamente, gerando um maior interesse pelo seu trabalho ou pela sua empresa.
Mais uma leitura de abrir a mente, não tem como medir o valor do seu conteúdo Alex Vargas! Hoje estudo de 3 a 4 horas por dia e focado acima de tudo no processo, e não no dinheiro. Meu grande projeto na vida é ser um agente transformador na vida das pessoas (e por consequência na minha) e acredito que encontrei a maneira certa de seguir esse caminho. Obrigado pela sua dedicação e inspiração! Agora vejo com mais clareza meus objetivos para os próximos anos não somente no financeiro, mas em várias outras coisas.
De todos os tipos de ações de marketing de conteúdo que existem, esta é uma das mais complexas. Muitas vezes a criação de ferramentas exige a criação de um design e, posteriormente, o desenvolvimento da aplicação web ou mobile, o que provavelmente será um investimento muito alto. No entanto, caso você tenha essa possibilidade, é uma excelente forma de você entregar algo realmente útil para os seus clientes e com isso gerar uma base de dados de leads extremamente rica e com um potencial tremendo.
Nao sao para mim suas dicas de trabalho, pois sao de grandes movimentação. Ja tenho alguns problemas com ossos, artrite artrose e etc. Seria para vendas de Market ao laine ou propagandas. No momento estou de perna para o ar com cirurgia de veias safena. Quero ser independente mas vejo que nao é o momento. Meu trabalho seria pela meu celular. Gostei das dicas, obrigada. Boa noite.
Para ajudá-lo a entender melhor esse conceito e, o mais importante, como aplicá-lo na sua empresa e assim gerar mais receita para o seu negócio, preparamos um post completo sobre o assunto. Explicamos detalhadamente o que é o Marketing de Conteúdo, quais são as razões para você investir nele na sua empresa, os benefícios para a sua marca, como ele pode impactar nas suas vendas e no seu faturamento, além de números que reforçam essa importância e uma solução para ajudá-lo nesse momento.
A diferença está no fato de que marketing de conteúdo tem o objetivo de oferecer um conteúdo relevante ao leitor, podendo gerar resultados financeiros ou não. O inbound marketing, por sua vez, não foca exclusivamente no conteúdo, mas em outros pontos como: geração de leads comerciais, e nutrição deles para no futuro, fechar uma venda. Portanto, o inbound marketing é a cabeça e o marketing de conteúdo é um de seus braços. O inbound também inclui em suas táticas elementos de SEO, mídias sociais, marketing de influência e outras formas de comunicação de marca.
Diversas empresas desde pequenas até multinacionais, já estão se adequando às estratégias oferecidas pelo marketing de conteúdo, e, nada melhor do que começar a planejar uma base de conteúdos relevantes, exclusivos e originais para a sua empresa também. Dessa maneira, você irá conquistar novos clientes de maneira muito mais barata que os meios tradicionais de marketing.

Maria tem 30 anos e acabou de abrir a sua primeira empresa: um salão de beleza. Ela precisa controlar o fluxo de caixa com segurança para evitar problemas no faturamento, lidar com o estoque para evitar excesso e falta de produtos, além de gerenciar a sua equipe de trabalho, contando sempre com pessoas motivadas e dispostas a atender o cliente da melhor forma possível. Maria é casada, tem dois filhos pequenos, costuma consumir informação na internet de forma rápida e dinâmica, pois não sobra muito tempo na sua rotina para isso. Gosta muito de acessar as redes sociais. Ela está em busca de uma solução que ajude a controlar a parte operacional e financeira da sua empresa, sobrando tempo para outras atividades.
×