O conceito de persona: Em primeiro lugar, você precisa definir a sua persona. Você deve estar se perguntando: por quê? A resposta é muito simples, o Marketing de Conteúdo é centrado no cliente (ou possível cliente) da sua marca. Dessa forma, você deve conhecer essa pessoa a fundo, seus hábitos, comportamentos, necessidades, dúvidas e o que ela realmente procura de informação e conteúdo para ajudá-la no seu dia a dia. É aqui que entra a persona!

Desenhar uma estratégia de marketing de conteúdo é um desafio para muitos empresários. Vivemos em um mundo cada vez mais digital, isso é fato e precisa ser sempre lembrado na hora de traçar o seu planejamento. Nesse universo, as pessoas acessam informações e conteúdos das mais variadas formas, no seu tempo e de acordo com as suas necessidades. Por outro lado, novas marcas e novos produtos surgem todos os dias, todos competindo para construir uma boa imagem e entrar na cabeça dos possíveis clientes.
Não devemos deixar de ressaltar que a produção de conteúdo é uma estratégia com a qual se alcança resultados em longo prazo, portanto é importante começar o quanto antes.  Conte com a RedaWeb para uma consultoria de excelência em marketing de conteúdo. Nossa equipe possui profissionais especializados e conceituados no mercado, que trabalham com o foco em fazer a sua empresa alcançar os resultados que deseja.

Com tamanha abordagem, diversas agências se especializaram nesta vertente. Ao juntar diferentes profissionais, estas alcançam entregas completas e resultados eficazes em múltiplos formatos. Em agências de conteúdo pode-se encontrar fotógrafos, produtores, programadores, jornalistas, redatores e diretores de arte, quem em sua soma constroem pluralidade.[5]


E não adianta, o boca a boca ainda é muito forte e importante para empresas de todos os portes. Cada pessoa que indica o seu produto e/ou serviço para outras gera muitos leads que, provavelmente, irão procurar o seu negócio quando sentirem necessidade. E aqui o Marketing de Conteúdo é determinante, tanto para criar defensores da marca, quanto para estar preparado para nutrir e desenvolver a confiança das pessoas para as quais eles indicarem o seu negócio.
Foi o que a rede de hotéis Four Seasons descobriu. Quando um cliente entra em um hotel, ele deseja aproveitar diferentes coisas na própria cidade onde está. Para que ele não precisasse de guias extremamente caros, a empresa resolveu abrir uma conta no Pinterest. Criando um perfil para cada um de seus resorts, a rede de hotéis começou a fazer um guia repleto de dicas de gastronomia, lazer, turismo e muito mais.
Outra forma de ganhar dinheiro através do negócio de cosméticos está trabalhando como vendedor. Revenda significa que você vai ter a sua fonte de cosméticos diretamente da empresa de sua escolha, em seguida, vendê-lo para outras pessoas. Claro, você obter comissões para todos os produtos que você pode vender. Revenda destaca se você só trabalha em part-time na indústria de cosméticos. Você pode revender os produtos aos seus colegas de escritório em seu dia de trabalho, ou até mesmo para a família e amigos. Para se tornar um revendedor, certifique-se de escolher uma empresa de cosméticos que você gosta, e, em seguida, entrar em contato com eles através do seu website. A maioria das linhas de cosméticos também têm informações em seus sites para as pessoas que querem fazer revenda de negócios.
Existem “gurus” e programas que sugerem marketing de afiliados é um sistema “configure-e-esqueça” para transformar a Internet em um caixa eletrônico. Embora o marketing de afiliados possa ser feito em meio período, não é automático. Requer pesquisa e um plano. Para que essa ideia de negócio seja bem-sucedida, você precisa conhecer e entender seu mercado-alvo e continuar fazendo coisas para alcançá-lo, de modo que ele possa clicar nos links de afiliados.
O conceito de persona: Em primeiro lugar, você precisa definir a sua persona. Você deve estar se perguntando: por quê? A resposta é muito simples, o Marketing de Conteúdo é centrado no cliente (ou possível cliente) da sua marca. Dessa forma, você deve conhecer essa pessoa a fundo, seus hábitos, comportamentos, necessidades, dúvidas e o que ela realmente procura de informação e conteúdo para ajudá-la no seu dia a dia. É aqui que entra a persona!
Esse cenário pode assustar em um primeiro momento, a gente sabe disso, mas a realidade é simples: a sua empresa precisa estar preparada para competir pelo seu espaço nesse universo. E o marketing digital e o marketing de conteúdo surgem como duas ferramentas poderosas para garantir o seu espaço na mente e na preferência dos consumidores. Nos últimos anos, muito tem sido falado sobre o marketing de conteúdo, seus benefícios, modelos e o caminho para o sucesso. Porém, como em qualquer área, muitas também são as dúvidas, não é mesmo?
Já Kotler, Kartajaya e Setiawan, no livro Marketing 4.0[8], dividem os objetivos do Marketing de Conteúdo em duas grandes categorias: a primeira ligada às vendas: geração de leads, vendas efetivas, cross-selling, up-selling e vendas por indicação de outros clientes”; e a segunda categoria reúne as metas relacionadas à marca: “consciência de marca, associação da marca e fidelidade/defesa da marca”.
Os "gurus" do marketing da filial, assim como todas as histórias de sucesso do negócio, foram os primeiros a descobrir e aproveitar plenamente o dinheiro que faz oportunidades incríveis disponíveis. "Mercado do marketing da filial" de hoje está saturado e competitivo. Você vai trabalhar hoje mais difícil e mais tempo para fazer uma fração do que muitos fizeram "overnight" quando o negócio era jovem.
É aqui que o marketing de conteúdo entra. Produzir conteúdos para as redes sociais não necessariamente significa entretenimento. As redes sociais são hoje utilizadas como principal meio de comunicação quando o objetivo é consumir conteúdo, encontrar informação ou simplesmente divertir-se. A sua presença e o seu posicionamento nas redes sociais deverá refletir aquilo que você pretende alcançar em sua via profissional, ou seja, se você tiver uma presença profissional, compartilhar conteúdos profissionais, escrever conteúdos interessantes que ajudem a sua audiência, etc., isso irá dar a você um posicionamento profissional nessa área de negócio.
Ao longo dos últimos 10 anos, já escrevi mais de 5.000 artigos em sites e blogs. Uma das coisas que aprendi com esta experiência é que a consistência é fundamental para atingir bons resultados no médio/longo prazo. Isso significa publicar novos conteúdos em seu blog com alguma frequência. Naturalmente, não existe uma regra definida para isso, então você poderá escrever um post por semana, dois posts por semana ou um post por dia. Você decide como prefere fazer, tendo em consideração que você precisa conseguir realizar esse trabalho sem complicar sua agenda.

Mesmo que todo profissional de marketing entenda que quando se escreve com qualidade sobre o seu ramo de atuação é possível transmitir informação relevante aos visitantes, ganhar novas oportunidades de negócio, passar a ser referenciado como uma autoridade no assunto e, claro, criar e estreitar o relacionamento com a sua base de contatos, isso nem sempre fica claro para a liderança da empresa. Mesmo que não faltem motivos para encarar o Marketing de Conteúdo como um dos pilares do sucesso no Marketing Digital, ainda assim você precisa justificar seu valor.
Após a realização do curso, você efetua um teste e, caso consiga uma pontuação superior a 75%, você recebe o seu certificado totalmente gratuito, sendo válido por até 13 meses. O grande público-alvo deste curso são pessoas que já trabalham no universo do marketing e desejam se aperfeiçoar. É indicado também para quem não trabalha com marketing, porém, deseja aprender os fundamentos do inbound. E ainda para empreendedores que estão iniciando os seus negócios.
Quando comecei meus primeiros blogs lá em 2007, nada fazia prever a importância deste instrumento numa estratégia de marketing de conteúdo em 2017. Dez anos se passaram e o blog continua sendo a principal fonte de tráfego da grande maioria dos empreendedores e empresas ao redor do mundo. Se você nunca criou um blog, tenha em consideração que além de ser uma ferramenta incrível de geração de tráfego, um blog permite também que você controle suas ações e analise o comportamento dos seus potenciais clientes de uma forma incrível.

Por último, mas não menos importante, as plataformas sociais não devem ser vistas somente como um meio de difusão e sim como um canal de interação. Relações duradeiras são construídas através do diálogo, então, não se esqueça de interagir com a sua audiência fazendo comentários, respondendo mensagens e dando “likes” sempre que você ache que merece.


Fazendo o seu programa de marketing afiliado trabalho que não é realmente muito diferente de operar um negócio tradicional. A única maneira você pode manter seus clientes é tratá-los bem. Os japoneses têm um ditado: O cliente é Deus. Contanto que você tratar seus clientes com respeito e exercer o esforço na tentativa de satisfazer as suas necessidades, você verá que eles serão mais do que dispostos a ajudá-lo com o seu.
Essas dicas são muito úteis mas não saia despreparado jogando informações na mesa. Personalize seus argumentos e adote a linguagem que o seu líder usa para convencê-lo. Coloque-se no lugar dele ao escolher argumentos que farão sentido. Case os objetivos que a empresa quer atingir com os conteúdos que serão abordados na produção de conteúdo. Mas o que falar? Nos conteúdos da Resultados Digitais sempre ressaltamos para nossos clientes vários pontos importantes, mas o que é mais frequentemente usado é: o Marketing de Conteúdo é um ativo permanente, explique para direção da empresa que quando você produz e publica conteúdo o benefício que ele traz, ou melhor o ROI, é de longa duração.
Neste assunto existem várias coisas a levar em consideração. Costumo dizer muitas vezes para alunos meus que, ao comprar publicidade, reduzimos uma janela de tempo de seis meses para provavelmente seis dias. Quando temos um objetivo comercial, tempo é fundamental e muitas vezes o próprio cliente não quer esperar ou adotar uma estratégia de marketing de conteúdo. No entanto, quando trabalhamos com marketing de conteúdo, embora os resultados possam demorar bastante mais tempo, no longo prazo isso será bastante rentável a vários níveis, mas particularmente no Custo de Aquisição de Clientes (CAC).
Desenhar uma estratégia de marketing de conteúdo é um desafio para muitos empresários. Vivemos em um mundo cada vez mais digital, isso é fato e precisa ser sempre lembrado na hora de traçar o seu planejamento. Nesse universo, as pessoas acessam informações e conteúdos das mais variadas formas, no seu tempo e de acordo com as suas necessidades. Por outro lado, novas marcas e novos produtos surgem todos os dias, todos competindo para construir uma boa imagem e entrar na cabeça dos possíveis clientes.
×