Analisar o mercado antes de produzir conteúdo – Logicamente você terá uma ideia sobre o que escrever, mas não seria interessante validar essa ideia no mercado e entender se os seus potenciais clientes realmente se interessam por isso? Nem sempre aquilo que você pensa ser um bom conteúdo, realmente o é. Faça uma pesquisa de mercado através do Google ou através do Google Keyword Planner para entender o que o mercado realmente pesquisa.
Alex , estou desempregado, a tempos, sou sozinho e o desespero chegou. Estou sem credito, moro em casa alugada, e ja devo 8 meses e estou pra ser despejado e minha situação chega a ser desesperadora. Estou sem credito, sem dinheiro e ja assisti de tudo na internet e tenho medo e não tenho recursos pra poder pagar um curso. Como vc falou que seu cursos eh garantido, mas preciso fazer alguma coisa urgente. Ja mandei inúmeros currículos e não tenho condições de trabalhar ate pelos meus problemas físicos. Como pode me ajudar?
Em terceiro lugar, os serviços de email estão ficando mais inteligentes. Há uma boa chance de muitos usuários marcarem sua mensagem como spam e, ao fazerem isso, a reputação da empresa fica prejudicada. Dessa forma, os próximos envios têm grandes chances de cair direto na caixa de spam, e mesmo as pessoas que gostariam de receber algo da sua empresa não verão o seu email.
Quando falamos de Marketing de Conteúdo, o benchmarking se torna essencial. É sempre muito importante acompanhar o que outras empresas estão fazendo, como elas se comportam nas redes sociais, como fornecem o seu conteúdo, como o seu site está construído, quais palavras-chave estão bem posicionadas, que linguagem utilizam, que materiais estão fornecendo, etc. Todos esses são pontos fundamentais na hora de pensar na sua estratégia. (Você sabia que nos planos mensais da RedaWeb você recebe um levantamento das principais palavras-chave que levam mais tráfego para o site do seu concorrente? Vale a pena conferir!)
O desemprego é prontamente mais alto do que vem sendo desde o começo da década de 1980, e várias pessoas estão em pânico por causa de não podem localizar trabalho. Se você está buscando uma escolha de carreira sólida, você podes apenas achar que o marketing da filial pode ser um grande passo. Saiba mais sobre isto outras das sugestões mais quentes da filial no artigo abaixo.
O marketing da filial é uma fantástica maneira de receber dinheiro de casa. Pode ser um bom emprego a tempo parcial, ou mesmo tornar-se a sua principal referência de rendimento. Este artigo contém muitas sugestões rápidas e fáceis que definitivamente farão do teu blog um sucesso. Aplique estas dicas pra aumentar visivelmente os lucros de seus programas de afiliados.
Cerque-se de métricas tangíveis: mostre como o marketing de conteúdo é um canal eficiente para gerar mais oportunidades de negócio, reduzir os custos de aquisição dos clientes e aumentar as vendas. Ao escrever sobre o seu segmento, você dissemina informações úteis que serão utilizadas para capacitar seus potenciais clientes e prepará-los para o momento da compra.
Quería agradecerte por la información tan valiosa, puntual y asertiva de los diferentes modelos de negocio on line, lastimosamente la tecnología definitivamente a marcado un hito en la evolución de la humanidad y es importante conocer a profundidad del tema. Sinceramente, no conocía nada de este tema por lo que me he visto en la necesidad de investigar, quise muchas veces emprender un negocio pero factores como el tiempo, la inversión, mi profesión no me han permitido llevarlo a otro nivel, actualmente sin empleo me he visto en la necesidad de capacitarme, indagar y explorar otras cosas con tal sorpresa al encontrar otras modalidades de hacer dinero, con esto no pretendo decir, que me voy a ser millonaria ni nada por el estilo pero es trabajar desde la comodidad de tu casa con una herramienta que hoy se encuentra en la mayoría de los hogares. Infinitas gracias por brindar esta información cuando las cosas son claras y se despejan dudas en más fácil tomar decisiones adecuadas y asertivas.
Para muitos, conseguir medir o sucesso comercial do Marketing de Conteúdo ainda é muito difícil, o que faz com que muitos profissionais de marketing se baseiem em resultados que às vezes são mais fáceis de justificar, como por exemplo, o engajamento (curtidas, compartilhamentos, retweets). Porém, empresas são negócios, e negócios precisam ter lucro, falar apenas em engajamento não vai garantir que o gestor acredite na proposta.
O marketing da filial é essencialmente marketing de referência com uma comissão. Quando você encaminha um novo cliente para uma empresa que possui um programa de afiliados , você é pago. Por exemplo, se você é um afiliado da Amazon e recomenda um livro, e as pessoas compram esse livro por meio de seu link de afiliado, a Amazon pagará a você uma porcentagem da venda. 
Quer você esteja a utilizar o marketing de conteúdo como uma estratégia de branding pessoal ou empresarial, através da geração de conteúdos relevantes, você aumentará exponencialmente a notoriedade da sua marca, seja ela uma marca pessoal ou empresarial. A geração de conteúdos relevantes, além de gerar comentários e interesse junto do seu público-alvo, faz com que você crie um maior nível de interação com seus seguidores. Isso fará com que a sua notoriedade nesse mercado aumente progressivamente, gerando um maior interesse pelo seu trabalho ou pela sua empresa.
Mesmo que todo profissional de marketing entenda que quando se escreve com qualidade sobre o seu ramo de atuação é possível transmitir informação relevante aos visitantes, ganhar novas oportunidades de negócio, passar a ser referenciado como uma autoridade no assunto e, claro, criar e estreitar o relacionamento com a sua base de contatos, isso nem sempre fica claro para a liderança da empresa. Mesmo que não faltem motivos para encarar o Marketing de Conteúdo como um dos pilares do sucesso no Marketing Digital, ainda assim você precisa justificar seu valor.
A diferença está no fato de que marketing de conteúdo tem o objetivo de oferecer um conteúdo relevante ao leitor, podendo gerar resultados financeiros ou não. O inbound marketing, por sua vez, não foca exclusivamente no conteúdo, mas em outros pontos como: geração de leads comerciais, e nutrição deles para no futuro, fechar uma venda. Portanto, o inbound marketing é a cabeça e o marketing de conteúdo é um de seus braços. O inbound também inclui em suas táticas elementos de SEO, mídias sociais, marketing de influência e outras formas de comunicação de marca.
A criação de e-books é outra forma interessante de colocar o marketing de conteúdo a trabalhar a seu favor. Imagine por exemplo que você escreve 30 artigos no seu blog e que 10 desses artigos estão relacionados a um único tema. Você poderá facilmente compilar esses 10 artigos num e-book, ajustar os textos, dar uma revisada e publicar um e-book prático que os seus potenciais clientes possam descarregar. Naturalmente, isso é uma excelente forma de geração de leads e potenciais contatos que poderá posteriormente nutrir por meio de uma estratégia de e-mail marketing , passando-s de leads a clientes da sua empresa/negócio. Quem faz muito bem isso é a HubSpot e a SocialBakers, que estão constantemente lançando pequenos e-books sobre determinadas temáticas, com uma estratégia clara de captação de leads. Assim, você também poderá investir um pouco mais de tempo e criar algo realmente único. Isso então seria fantástico!
As landing pages são uma ferramenta extraordinária de comunicação e geração de leads. Muito comuns nos dias de hoje, as landing pages permitem não só que você comunique um determinado produto ou serviço da sua empresa, como também as utilize numa estratégia de geração de leads. Em ambos os casos, as landing pages podem ser vistas quase como infográficos em versão web, onde você poderá abordar diferentes conteúdos e ajudar o seu público a entender determinados assuntos, por exemplo.
Já Kotler, Kartajaya e Setiawan, no livro Marketing 4.0[8], dividem os objetivos do Marketing de Conteúdo em duas grandes categorias: a primeira ligada às vendas: geração de leads, vendas efetivas, cross-selling, up-selling e vendas por indicação de outros clientes”; e a segunda categoria reúne as metas relacionadas à marca: “consciência de marca, associação da marca e fidelidade/defesa da marca”.

Esse conceito não é estranho para você, certo? O funil de vendas é uma representação dos estágios que o seu possível cliente passa até a conclusão da compra. Dividido em três partes: topo (aprendizado e descoberta), meio (reconhecimento do problema e considerando a solução) e fundo (decisão de compra); o funil de vendas tem papel determinante para definir as estratégias de marketing de uma empresa. E com o marketing de conteúdo não é diferente. Cada etapa do funil exige conteúdos diferentes com o objetivo de que o cliente passe de uma para a outra, até chegar ao fundo.

Caso você não tenha entendido a diferença, atente-se, por exemplo, o meu percurso profissional. Quando comecei meu primeiro blog de conteúdo lá em 2008, eu era tudo menos conhecido nesse mercado. Na realidade, naquela altura ninguém falava sobre marketing de conteúdo ou inbound marketing. Esses termos ainda eram uma miragem naquela altura. No entanto, foi através da produção de conteúdos em texto (artigos e tutoriais) e vídeo (aulas, webinários, palestras, etc.) que eu me posicionei como um especialista em marketing digital, sem que na verdade tenha de alguma forma publicitado essa característica profissional. O próprio mercado, ao longo dos anos e através dos conteúdos que eu produzia, foi determinando que eu era um especialista em Marketing Digital e Marketing de Afiliados, os dois temas que eu mais abordei ao longo dos últimos 10 anos.

Básicamente consiste en crearte una cuenta de afiliado en una empresa que lo ofrezca como Amazon o Ebay (hay muchísimas y dependerá de lo que vengas. Si no estás segura de alguna, puedes contactar con la empresa para que te lo aclare). Cada cuenta de afiliado tiene un identificador que tú deberás colocar en tus enlaces para vender los productos en tu tienda online.
Você está pronto para começar a trabalhar? Bem, vamos chegar a ele, então! Como uma filial, o seu principal objetivo é vender os produtos e serviços oferecidos pelos comerciantes seu parceiro. A menos que você pode fazer isso, você nunca pode esperar para fazer uma quantidade significativa de dinheiro com marketing afiliado programas. Ok, é isso! Brincando. Assim como você aumentar as vendas? Todas as coisas são iguais, você vai precisar aumentar o seu tráfego de site antes que você pode experimentar mais vendas. Pela lei das probabilidades, mais as pessoas estão cientes dos produtos que você está oferecendo, os produtos mais você vai vender. É justo que pessoas simples, é um jogo de números.
Os comerciantes mais bem sucedidos da filial nunca deixar cair um hiperlink nu para um produto da filial em uma página da internet frouxamente relacionados. Os webmasters savvy fazem uso assunto focado para levar a links de produtos afiliados. Comentários, folhas de dados e o mais gentil dos lançamentos de vendas são boas formas de transportar os visitantes do blog para um link associado e obtê-los em um estado de espírito acolhedor.
Logicamente, o marketing de conteúdo inclui também diversas coisas que você não deve fazer. Já falei anteriormente sobre várias das coisas que deve evitar quando trabalha os seus conteúdos e principalmente quando monta uma estratégia de divulgação dos mesmos, no entanto, é importante relembrar alguns princípios básicos do marketing de conteúdo e erros que podem ser facilmente evitados:
Maria tem 30 anos e acabou de abrir a sua primeira empresa: um salão de beleza. Ela precisa controlar o fluxo de caixa com segurança para evitar problemas no faturamento, lidar com o estoque para evitar excesso e falta de produtos, além de gerenciar a sua equipe de trabalho, contando sempre com pessoas motivadas e dispostas a atender o cliente da melhor forma possível. Maria é casada, tem dois filhos pequenos, costuma consumir informação na internet de forma rápida e dinâmica, pois não sobra muito tempo na sua rotina para isso. Gosta muito de acessar as redes sociais. Ela está em busca de uma solução que ajude a controlar a parte operacional e financeira da sua empresa, sobrando tempo para outras atividades.
×